Mané das Letras

Onde não cabe PALAVRA, o SILÊNCIO é a melhor opção.

Textos


Descobri
Pedaço do Paraíso
Meus olhos se encantam
Com o Sol que vai dormir.

Minh’alma passeia
Suave no entardecer
Entre o Céu colorido
E o dourado do mar.

E a noite chegou
Com estrelas brincando no Céu
E a Lua cheia
Iluminando todo Sambaqui.

Remadores vão chegando
Trazendo seus pranchões
Com lanternas coloridas
Pra remada na Praia das Flores.

Rema, rema, remadores
Vagalumes coloridos
Riscando os espelhos d’água
Das praias de Sambaqui.
Mané das Letras
Enviado por Mané das Letras em 12/04/2017
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras